APRENDENDO SOBRE NEGOCIAÇÃO

negociação

Assisti as temporadas dispóníveis de HOUSE OF CARDS e com ela aprendi muito sobre negociação. É um seriado produzido pela Netflix, disponível só no Netflix por enquanto. Mas o preço da assinatura já vale a pena só por esse seriado. Definido como ficção é para mim a realidade nua e crua do que acontece no Brasil. Mas é também uma aula, capitulo a capitulo, sobre as pessoas. Sobre suas reações, medos e segredos. Sobre estratégias de manipulação. Mas principalmente sobre estratégicas de negociação.  

Kevin Space e Robin Wright como protagonistas dão um show de interpretação. Porém, muito além da arte e da comparação política, é um seriado que bem observado usa neurolinguística e outras tantas ferramentas psicológicas.

Tem gente que nasce com o dom da persuasão e negociação, pro bem ou pro mal, como é, pro mal, o personagem Francis de Kevin Space. Se analisarmos os personagens, todos eles, poderemos identificar perfis parecidos com muitas pessoas com as quais negociamos, trabalhamos ou convivemos. Eu mesma, assistindo, lembrei bastante da história de uma funcionária que todos os dias falava com o chefe e com todo “amor, carinho e amizade” obtinha informações e sabotava colegas e ninguém se dava conta disso. Ela era uma verdadeira Claire, personagem da elegante Robin Wright.

Na trama, deputados e senadores que só votam se recebem benefícios, emendas etc. Lavagem de dinheiro. Verbas de campanha por debaixo dos panos. Empresas patrocinadoras de campanhas eleitorais que manipulam o governo em prol de seus interesses. Manipulação da mídia. Manipulação de votos. Manipulação do povo. Ausência total de devoção ao partido e apenas o objetivo de ganhar votos e permanecer no poder eternamente. E quando tudo dá errado, fazem uma guerra.Mas, muito além de política, HOUSE OF CARDS dá aulas sobre negociação e como é importante estar preparado. Cada passo do casal na trama não é simplesmente aleatório, sem rumo ou por crença. A cada plano, a cada golpe, eles aparecem estudando o outro, levantam informações, repassam diálogos tentando visualizar respostas etc. Muitas vezes não fazemos isso e simplesmente vamos para reuniões ou para

Gostou? Curta, Comente, envie SEUS COMENTÁRIOS e dicas. Mas principalmente compartilhe, CONHECIMENTO TEM QUE CIRCULAR. 😉?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *